Assembleia Geral - 23 11 2017 site
+1 - 0  by /Nenhum comentário

Servidores da UFPB decidem continuar em estado de greve

Em assembleia bastante concorrida, que contou com a participação de grande número da categoria, os servidores técnico-administrativos da UFPB, de João Pessoa, em sua maioria, decidiram permanecer em estado de greve, intensificando as ações de mobilização e o envio de caravana a Brasília.

Duas posições distintas foram avaliadas pela categoria e apresentadas ao plenário para votação. A primeira defendida pela maioria da diretoria do SINTESPB era de continuar em estado de greve e intensificar as mobilizações para fortalecer a luta contra a retirada de direitos e pela garantia da carreira e a segunda defendia a adesão à greve já em curso em alguns Estados orientada pelos diretores da FASUBRA.

Após várias inscrições para fazer  uso da palavra, onde os participantes puderam apresentar e defender suas posições, a mesa, formada pela presidente Marizete Figueiredo, pelo vice Severino Ramos de Mendonça, pelo secretário geral Rômulo Xavier, pela diretora da FASUBRA, Eurídice Almeida, além do diretor da CTB, Cristiano Zenaide e o assessor jurídico do SINTESPB, Ivamberto Carvalho, percebendo que a  categoria já estava devidamente esclarecida e apta para escolher, colocou em votação as duas propostas e outros encaminhamentos para serem deliberados.

A proposta vencedora, respaldada pela categoria, externou a vontade em continuar em estado de greve, pois entenderam a necessidade de intensificar a luta, ampliando as ações de mobilização interna e externa, não descartando a entrada no movimento posteriormente.

+ 1 - 0

  Comentários do artigo

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.