informes
+0 - 0  by /Nenhum comentário

MOVIMENTO SINDICAL PRESSIONA E CÂMARA DOS DEPUTADOS APROVA QUE EMPRESAS PÚBLICAS DEVEM CONTRATAR POR CONCURSO

Em Assembleia Geral realizada na manhã desta terça-feira (15/04/2015), no auditório do SINTESPB, os servidores técnico-administrativos aprovaram por unanimidade paralisar suas atividades e participar das manifestações convocadas pelas Centrais Sindicais e Movimentos Populares, com a seguinte pauta:

1 – Em defesa dos direitos sociais: Não ao PL 4330 da terceirização, às MP 664 e 665, e aos ajustes antipopulares dos Governos. Pela taxação das grandes fortunas, dos lucros e da especulação financeira!

2 – Combate à corrupção, com o fim do financiamento empresarial das campanhas eleitorais!

3 – Não às pautas conservadoras, à redução da maioridade penal e ao golpismo! Contra o genocídio da juventude negra!

MOVIMENTO SINDICAL PRESSIONA E CÂMARA DOS DEPUTADOS APROVA QUE EMPRESAS PÚBLICAS DEVEM CONTRATAR POR CONCURSO

 VITÓRIA DA FORÇA POPULAR E DO MOVIMENTO SINDICAL.

 Após campanha das Centrais Sindicais (CUT e da CTB), nas redes sociais, aeroportos, jornais e na mídia, mostrando os congressistas que votaram favoráveis à lei da terceirização e que tiveram seus nomes amplamente difundidos, mostrando a traição destes junto aos trabalhadores, preocupados com a repercussão negativa da Lei da terceirização, cujo texto-base foi aprovado na quarta-feira 8, nesta terça-feira (14), começou a análise das propostas de alteração que altera as regras para a terceirização.

Após a pressão do movimento sindical e a ameaça de greve geral dos trabalhadores do Brasil, a Câmara dos Deputados, aprovou com 360 votos favoráveis, 47 contrários e 4 abstenções excluir as empresas públicas e sociedades de economia mista, controladas por União, Estados, Distrito Federal e municípios, das regras previstas no projeto que regulamenta os contratos de terceirização.

O destaque aprovado em plenário não proíbe que o setor público realize terceirizações, mas impede que empresas controladas pelo governo façam a terceirização em todas as suas atividades, como prevê o projeto.

ESTAMOS DE OLHO!

SINTESPB SEMPRE NA LUTA

+ 0 - 0

  Comentários do artigo

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *.